Skip to content

Rastreabilidade Alimentar: como gerir e evitar problemas?

Ayesa Indústria | Rastreabilidade Alimentar

A atualidade da Rastreabilidade Alimentar

Nos últimos anos, a rastreabilidade alimentar tem vindo a ganhar uma importância crítica para as empresas deste setor.

Na realidade, desde 2005, nos países da União Europeia, é obrigatória a rastreabilidade de todos os produtos alimentares.

Um sistema de gestão e controlo da rastreabilidade alimentar deve permitir conhecer todas as etapas do produto desde a sua origem até chegar ao consumidor final, identificando todos os processos de transformação a que foi submetido. Ou seja, através deste sistema, é possível saber, a qualquer momento, onde está o produto – na eventualidade deste ter de ser suspenso ou retirado de distribuição, face a um eventual incidente que possa colocar em risco a segurança do consumidor.

Por exemplo, imaginemos o caso de um lote de bolachas impróprias para consumo e que têm de ser retiradas do mercado. Através da rastreabilidade alimentar e, assim, do número do respetivo lote, será possível identificar:

  • o motivo;
  • a origem;
  • todos os lotes afetados ao longo da cadeia de abastecimento.

Assim sendo, será possível comunicar os lotes afetados a todos os intervenientes da cadeia, de modo a facilitar a sua retirada do mercado, minimizando ou mesmo eliminando eventuais consequências decorrentes do seu consumo.

Rastreabilidade Alimentar: quais os problemas que podem surgir se não for implementada?

Em muitas empresas, a gestão da rastreabilidade alimentar acaba por ser um inteiramente manual, o que, em rigor, irá provocar enormes ineficiências e inúmeros erros.

Em geral, no âmbito da rastreabilidade alimentar, os problemas mais comuns são:

Erros decorrentes da recolha manual de dados

Em algumas empresas, a recolha e registo de dados durante o processo de transformação é integralmente efetuada de forma manual e em papel. Em rigor, este registo manual de informação irá afetar a rotulagem dos produtos e mesmo os controlos de qualidade.

Na realidade, existem erros de etiquetagem ou de valores fora da margem de segurança unicamente decorrentes deste processo manual – e que não são geridos corretamente, uma vez que não são solucionados automaticamente e em tempo real.

Incapacidade em reagir rapidamente perante alertas alimentares

Não é fácil reagir rapidamente perante um alerta alimentar, uma vez que é necessário investigar as suas causas no meio de uma enorme quantidade de documentos. E porquê? O objetivo é determinar os lotes afetados e onde se encontram.

Custos elevados em caso de recolha do produto

Uma resposta tardia perante um alerta alimentar implica que os custos de recolha dos produtos aumentam consideravelmente. Isto porque, é possível que o fabrico ou a entrega ao cliente esteja a decorrer com lotes afetados.

Além do mais, o custo acaba por ser mais elevado, uma vez que o tamanho do lote afetado é proporcionalmente maior, em virtude da gestão manual do processo de rastreabilidade alimentar.

Falta de informação

Na gestão e controlo de um processo, as incertezas levam a ineficiências e insegurança perante uma situação imprevista – o que faz com que a tomada de decisão seja baseada em pressupostos e não em dados fiáveis e verdadeiros.

Gestão Eficiente da Rastreabilidade Alimentar

A gestão eficiente da rastreabilidade alimentar diz respeito a uma resposta ágil às seguintes questões:

  • Como e onde foi produzido ou gerado? Que produtos foram utilizados para esse efeito?
  • Que produtos foram utilizados no fabrico do produto final?
  • Onde foi fabricado o produto? O seu fabrico passou por todos os processos pelos quais deveria ter sido produzido?
  • A matéria-prima foi utilizada noutro produto? Qual(ais)?
  • Em que condições o produto foi fabricado?
  • Quais são os resultados dos controlos de qualidade?
  • Onde se encontra o produto ao longo da cadeia de abastecimento?
  • Onde e quando o produto foi entregue e em que quantidades? Em que condições foi transportado?

A gestão eficiente da rastreabilidade alimentar deve incluir o registo adequado de produtos através de:

  • definição de lotes;
  • registo de todos os dados gerados e relacionados com o lote;
  • plano de ação para qualquer problema relativo a segurança alimentar.

Todas estas informações devem ser registadas o mais automaticamente possível, de forma a evitar a introdução manual de dados. Assim, será possível automatizar os processos que não acrescentam valor e evitar erros.

Quais as vantagens da rastreabilidade alimentar?

Os benefícios da digitalização da gestão e controlo da rastreabilidade alimentar são:

  1. Redução dos Custos de Fabrico – através do conhecimento, profundo e detalhado, e otimização de processos, com base em dados fiáveis e verdadeiros;
  2. Redução dos Custos de Não Qualidade – a otimização do processo produtivo permite gerar o menor número de falhas possível, reduzindo, assim, os custos associados a reclamações e/ou retiradas do produto do mercado, caso necessário;
  3. Rastreabilidade Total do Processo e do Produto – a montante e a jusante;
  4. Melhoria dos Tempos de Resposta perante um alerta – com redução do tamanho dos lotes afetados e capacidade de encontrar rapidamente a informação necessária;
  5. Apoio no cumprimento da legislação em vigor.

Em suma, podemos concluir que a rastreabilidade alimentar é um fator-chave quando se trata de melhorar a qualidade, reduzir custos e prevenir qualquer tipo de problemas em lotes ou produtos.

Uma abordagem integrada da rastreabilidade alimentar

Um software de rastreabilidade alimentar possibilita a rastreabilidade completa de todas as fases a que o produto foi submetido durante o processo de produção.

Em rigor, existem diferentes tipos de soluções – tais como: ERP, MES, SGA, CMMS -, que permitem dar resposta às diferentes necessidades no contexto de uma fábrica.

Na Ayesa Indústria, em Portugal, acreditamos e desenvolvemos um ambiente integrado de soluções, com base no dado único e orientado para a digitalização e automatização de processos, com o objetivo de reduzir custos de produção e de não-qualidade – aumentando, assim, a disponibilidade dos recursos produtivos.

Um dado por si só não tem qualquer valor, mas, quando inserido num contexto, converte-se em informação útil!

Ayesa Indústria | Rastreabilidade Alimentar - Integração/Fluxo

Plataforma 4.0 para a Indústria – Rastreabilidade e digitalização dos processos industriais

No âmbito da digitalização de processos industriais e rastreabilidade, disponibilizamos a Manufacturing Platform – uma plataforma totalmente integrada, da engenharia à fábrica, incluindo a área de gestão, de uma forma inteiramente cibersegura, em ambiente IT/OT.

Esta plataforma pode ser implementada na sua totalidade ou por áreas de negócio – sempre de forma integrada com as restantes soluções corporativas existentes, automatizando tarefas, através da eliminação de processos manuais sem valor acrescentado.

Com mais de 4.000 clientes que acedem diariamente a esta plataforma e mais de 18.000 máquinas ou dispositivos conectados, este é o resultado de mais de mais de 30 anos de experiência no setor industrial.

No âmbito do setor alimentar, podemos referenciar como clientes: Schweppes, Helios, Cafés La Fortaleza, Bacalaos Giraldo, Quesos Entrepinares, Ayecue, Vegola, Azucarera del Ebro, entre outros.

Os processos ou atividades que a plataforma permite abordar de forma global e integrada são:

  • Gestão económica e financeira da empresa;
  • Gestão de oportunidades, ofertas e atividade comercial;
  • Gestão de clientes, encomendas, guias de transporte e faturas de vendas;
  • Gestão de compras, fornecedores, ofertas, encomendas, guias de transporte e faturas de compra, bem como subcontratação;
  • Gestão e controlo de stocks e armazéns, através de dispositivos móveis;
  • Definição de estruturas e ordens de fabrico;
  • Definição, gestão e controlo de receitas;
  • Cálculo das necessidades de compra;
  • Planeamento a capacidade finita e sequenciação da produção;
  • Manutenção;
  • Controlo de qualidade;
  • Captura automática de dados, através de comunicação direta com máquinas ou dispositivos de medição ou pesagem;
  • Ferramentas de Work Flow, para automatização de processos que não acrescentam valor – que permitem articular a forma como os diferentes departamentos se relacionam entre si;
  • Contextualização de dados.

OLANET NEXT | Software de rastreabilidade

O OLANET NEXT é a mais recente versão do OLANET – o software de rastreabilidade da nossa casa-mãe – e o culminar de mais de 20 anos de experiência e contacto permanente com a indústria e as suas necessidades. Na realidade, através deste feedback, tem sido possível melhorar e aperfeiçoar este sistema MES/MOM para ampliar as suas funcionalidades e características.

E é por estes motivos que podemos afirmar que o software de rastreabilidade OLANET NEXT é o sistema mais completo para definir, gerir e controlar a rastreabilidade alimentar.

Abranger os principais processos de transformação alimentar exige funcionalidades incluídas nos seguintes módulos:

Software de rastreabilidade alimentar: quais as vantagens do OLANET NEXT para a Indústria Alimentar?

No âmbito da rastreabilidade alimentar, com o OLANET NEXT, a sua empresa conseguirá:

Conectividade e integração

Este software de rastreabilidade alimentar atinge elevados níveis de integração com mais de 60 diferentes ERPs, utilizando diferentes metodologias:

  • Web Services
  • Conectores específicos, como: PI en SAP R3/S4 HANA.

Definição e controlo de limites

É importante poder definir limites superiores e inferiores para cada parâmetro, de forma a ser possível monitorizar os desvios em tempo real.

Além do mais, também é possível obter esta monitorização através do módulo de avisos e mensagens do nosso software de rastreabilidade alimentar, o OLANET NEXT.

Conectividade com os recursos produtivos

Neste âmbito, foram introduzidos desenvolvimentos importantes no nosso sistema de rastreabilidade alimentar, como o amplo alargamento das possibilidades de conexão a diferentes dispositivos IIoT.

Neste sentido, abre-se um sem fim de possibilidades em termos de recolha, não só de estados ou produções, como também de um número infinito de parâmetros de processo.

Assim sendo, o nosso software de rastreabilidade alimentar torna-se numa poderosa ferramenta de recolha massiva de dados – o que é possível através da implementação dos módulos:

  • Sensórica das máquinas;
  • Parâmetros de processo;
  • Consumo de energia.

Conectividade a elementos de verificação e controlo

No que diz respeito a este tema, apresentamos também novas possibilidades de captura de dados através da conexão a dispositivos, como:

  • detetores de metais;
  • sistemas de controlo de qualidade através de visão artificial;
  • integração com os dispositivos de desperdícios/rejeições de linha.

Conectividade a elementos de identificação

Este software de rastreabilidade alimentar gere toda a informação relacionada com as OF, comunicando os dados a figurar nas etiquetas ou nos produtos aos elementos de identificação.

Pelo que, o módulo do OLANET NEXT que gere a integração com todos os elementos de identificação é o módulo específico de rastreabilidade.

Check-List e controlo estatístico da Qualidade (SQC)

O sistema MES/MOM OLANET NEXT melhora significativamente as capacidades de controlo estatístico da qualidade SQC, através de check-lists – estáticas e dinâmicas, que possibilitam a inclusão de imagens.

As Check-Lists estáticas permitem controlar processos e procedimentos – qualidade, produção e manutenção.

A introdução de Check-Lists com imagens é um claro avanço neste controlo de processo e qualidade, permitindo ao operador a possibilidade de indicar o ponto exato do defeito, bem como a sua tipologia, através da imagem do mesmo.

Outra das possibilidades introduzidas e que permitem um melhor controlo dos processos são as Check-Lists dinâmicas e com imagens, uma vez que permitem visualizar os processos ao mesmo tempo que indicamos a conclusão de cada um deles e os resultados obtidos.

Ayesa Indústria | Rastreabilidade Alimentar - Check-List e Controlo Estatístico da Qualidade (SQC)

Armazenamento e análise de dados

Este é (sem dúvida!) outro dos pontos fortes deste software de rastreabilidade alimentar. 

O incremento das potencialidades de recolha de informação traz consigo novas exigências ao armazenamento de dados em bases de dados – que podem ser relacionais ou não relacionais.

Desta forma, é possível monitorizar a fábrica de forma mais simples, intuitiva e com capacidades preditivas.

Realidade Aumentada/Virtual

Cada vez mais clientes exigem a implementação de soluções nesta área da realidade aumentada/virtual.

Assim, o OLANET NEXT permite criar cenários de realidade aumentada, nos quais são projetados dados reais a partir das bases de dados.

OLANET NEXT & Rastreabilidade Alimentar | Alguns testemunhos dos nossos clientes

Em seguida, apresentamos alguns testemunhos dos nossos clientes relativamente ao OLANET NEXT como poderosa ferramenta de rastreabilidade alimentar e seus benefícios:

DACSA GROUP

“Com a plataforma da Ayesa, passámos a ser capazes de controlar a produção, planeamento, etiquetagem online do produto para a rastreabilidade e controlo das check-lists – eliminando o papel na fábrica.”Ignacio Ballester, CIO

BAQUÉ Café

“A plataforma da Ayesa permite ter segurança relativamente aos dados, rastreabilidade completa e alinhamento entre dado real-digital dos stocks do processo de fabrico, para minimizar os erros nos armazéns.” – Mikel Bizkarra, Diretor de Operações

De um modo geral, podemos concluir que um software de rastreabilidade alimentar permite, de forma segura e prática, armazenar e monitorizar todo o tipo de dados sobre os processos de produção desenvolvidos nas empresas e, assim, incrementar a sua rentabilidade e competitividade!

Quer saber mais informações acerca das potencialidades e vantagens da rastreabilidade alimentar para a sua empresa?

Artículos recomendados

3dexperience world

3DEXPERIENCE World 2024 | Todas as novidades desta edição inspiradora!

O evento da Engenharia do Futuro mais disruptivo e aguardado do ano, o 3DEXPERIENCE World 2024, aconteceu de 11 a 14 de
SEGUIR LEYENDO
Ayesa Indústria | CATIA Drawing Import - a nova funcionalidade DraftSight

CATIA Drawing Import | A nova funcionalidade DraftSight

À medida que o ecossistema de software de projeto continua a evoluir, o DraftSight 2024 inova de forma significativa com
SEGUIR LEYENDO
Ayesa Indústria | Webinar [gratuito] “Projetar com SOLIDWORKS Cloud”

[Webinar gratuito] Projetar com SOLIDWORKS Cloud

SOLIDWORKS Cloud: maximize a produtividade da sua empresa – sem instalação local, servidores ou serviços TI Sabe que, através do
SEGUIR LEYENDO

    Información respecto al tratamiento de los datos solicitados, de acuerdo con el RGPD 2016/679 y la LOPDGDD 3/2018: el responsable es Ibermática SA; la finalidad es la recogida y tratamiento de los datos personales que solicitamos para atender tu consulta, enviarte nuestras publicaciones, newsletters, promociones de productos y/o servicios, y recursos exclusivos; la legitimación se establece mediante el consentimiento expreso; en esta ocasión se cederán datos a terceros (en este caso, con partners empresariales de Ibermática); en cualquier momento puedes ejercer tus derechos de acceso, rectificación, supresión, portabilidad, limitación u oposición al tratamiento de tus datos, así como retirar el consentimiento prestado o formular reclamaciones ante la Autoridad de Control, enviando la solicitud por correo electrónico a: arco@ibermatica.com; puedes consultar la información adicional y detallada sobre Privacidad y Protección de Datos de Carácter Personal en la Política de Privacidad de Ibermática S.A.